Recanto de Encantos , com Jenario de Fátima

 Hoje, apresento-lhes, aqui, no meu "Recanto de Encantos", dois sonetos de Jenario de Fátima um dos grandes poetas que temos, atualmente.

 

 

Só Quero

Jenario de Fátima


Não quero nada que pra mim não esteja
Tangível, palpável, bem ao meu alcance
Nada que me oprima, me exaure ou lance
Por um caminho que não sei qual seja.


Também não quero, que se alguém me veja
Por silhueta ou por vaga nuance
Eu possa parecer alguém sem chance
Mas que insiste em sua cruel peleja,


Só apenas quero, que se chegue o dia
Nas voltas tantas porque gira o mundo
Eu venha conhecer a fantasia

Daquilo que na vida inteira clamo.
Que é ver a eternidade de um segundo
Ser resumida num só dizer – Te amo!

 

Caricaturas

Jenario de Fátima


Quantas noites de sono, nos perdemos.
Revendo o velho filme, as mesmas cenas,
Lamentando falhas grandes, e as pequenas
Lamentando os muitos erros que tivemos.


Dos delitos de amor que cometemos,
A vida vem e nos cobra, duras penas
Nos condenando a máscaras apenas
Caricaturas do que já vivemos.


Mas o que passou passou e não tem jeito
O amor ficou guardado na saudade
Guardado como um nó, dentro do peito.


E sempre ao resgatá-lo, em seus desterros,
Juramos junto a toda santidade,
de não mais cometer os mesmos erros!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s