Ainda o Natal !!!

              

               Foram tantas as mensagens que li dos amigos da Academia Virtual Sala de Poetas e Escritores que prolongo por mais um dia a série que pensei encerrar ontem, e, mesmo assim, deixo de postar muita coisa linda desses poetas e poetisas maravilhosos. Renovo meus cumprimentos à Efigênia Coutinho pela iniciativa de criar essa Academia que nos dá a possibilidade de conhecer tantos talentos espalhados pelo nosso Brasil e  paises de lingua portuguesa, a exemplo desse magnífico poeta português, Daniel Cristal que posto abaixo em companhia de Eugênia Coutinho e Deth Haak. Meu abraço a todos, Manoel Virgílio. 

 

 

SENHOR
 Efigênia Coutinho
 
 Agradeço por tudo neste mundo,
 O tanto que o caminho permitiu.
 O empenho foi dado na colheita
 E o meu coração só se doou.
 
 Do sonho nobre, o qual desenhei,
 Guardei lembranças do que passou;
 Pois, a sorte tanto me fez sorrir
 Que em todo o Universo ecoou !
 
 Amigos que nesta vida encontrei,
 Com todos, sentei-me nesta Sala
 E foram os que tanto a Deus pedi.
 Na modulação os sonhos propagam-se
 
 Hoje, agradeço todo este Amor,
 Que nos extasia e nos revive,
 Deixado dentro do meu coração.
 E convido-te para esta minha Oração!

ÁRVORE DE NATAL
Daniel Cristal

A árvore de Natal que escolhi
Criei-a na estufa pró efeito;
Despida estava quando a recolhi
Mas fica enorme e bela quando a enfeito.

Em vez de bolas áureas e artigos
Comprados com os €uros de papel,
De ramas de algodão com papai Noel,
Enfeito-a com as fotos dos Amigos.

Fica linda esta árvore de decoro!
Resplandece o brilho da Amizade
E o carinho do peito com saudade!

Ilumina o Mundo pelo coro
Duma feliz mensagem d\’ esperança:
Esta radiosa imagem duma dança!

Portugal

 

Feliz Natal!
Deth Haak


Quisera Deus no céu me ouvisse
As preces que em poemas dôo ao universo
Pra que, no coração de cada ser triste
Fosse Natal na nevoa que cai em meu verso.

Quisera Deus no céu me ouvisse
E dizimasse a fome deste mundo cão
E que promessa um só governante cumprisse
Pra que fosse Natal, em Natal todo dia pro irmão!

Quisera Deus no céu me ouvisse
E a violência exterminasse na terra
Pra que o amor pregado por Cristo persistisse
Pra que nesse Natal não houvesse Guerra!

Quisera Deus no céu me ouvisse
E as crianças fossem oceanos na seara
Pra nau navegar na pureza dum olhar triste
Pra que nesse Natal o amor partisse
em galera.

Quisera Deus no céu me ouvisse
E nos tetos de zinco chovesse a esperança
Pra de abundancia alimentar o que desiste
Pra que nesse Natal se colhesse perseverança.

Quisera Deus no céu me ouvisse
Como a inspiração que a rima obedece
Pra que o Poema em cada face sorrisse
E meu querer de amor o Mundo invadisse!

Quisera Deus no céu me ouvisse
E os poetas fossem como é o Vento
Que espalha amor no punhal que cravaste
Pra que neste Natal não sangrasse lamento…

Quisera Deus no céu me ouvisse
As laudas que escrevo ao irmão submisso
E o pecado plasmado do outro redimisse
Aos que com Natal não tem compromisso.

Quisera Deus no céu me ouvisse
Como a Brisa que ora pelos desvalidos
Secando do rosto a lagrima que insiste
Molhar faces dos por mim compadecidos.

Quisera Deus no céu me ouvisse
E a calçada fria levasse agasalho
Aquecendo corpos e com gorros a calvície
Para que fosse Natal em todo borralho!

Quisera Deus no céu me ouvisse
O que grito a viração por querer união
Entre povos do mundo todo, e se cumprisse
Para que fosse Natal de todo o perdão!

Quisera Deus no céu me ouvisse
Como os sinos que tocam nessa ocasião
Solando vento sem que a nenhum restringisse
Um Feliz Natal majorado de benção!

“A Poetisa dos Ventos”

Deth Haak
Cônsul Poeta Del Mundo – RN
Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do RN
AVSPE
UNEGRO

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s