Brincando …

Amanhã, posto: "Todo Dia é da Mulher"

 

 

 

 

 

Amor Doce

 

O amor que eu te tenho é tão doce,

Um sonho com bom creme, qual se fosse.

Teus lábios são de mel, minha ambrosia,

Meu doce de arroz, minha aletria.

 

Teu colo é tão branco, qual o manjar,

É frio, qual sorvete, ao tomar.

Teus seios são macios qual um pudim,

De leite ou do pão que és p’ra mim.

 

Cabelos são da cor do chocolate,

Com fios que de ovos, sempre, os trate.

Das pernas, as batatas é que vejo

Batatas também doces… que desejo!

 

Tu és o meu cuscuz, doce de leite,

Na baba que é de moça, que deleite!

 

Manoel Virgílio

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s