Retorna o meu “Recanto de Encantos” com um poema de Rosângela de Oliveira

ENCONTRO

Foi amor a primeira teclada?
Carências reprimidas, sufocadas.
Ou uma afinidade espontânea
Impossível de ser disfarçada?

Marcado o encontro
Para saber se é real
Ou apenas um conto,
Uma empolgação virtual

Deparamo-nos frente a frente
Coração
em disparada
Fogo a escaldar a mente
Mãos suadas, geladas…

Olhamo-nos calados
Naquele momento, embaraçados
Onde estavam os dois amantes
No MSN tão falantes?

Do constrangimento natural
A uma conversa banal
Tentando ganhar tempo
Estabilizar o sentimento

Em seu rosto um sorriso
Enigmático, impreciso…
Logo me perguntei
Que impressão causei?

O que havia no virtual
Preservou-se no real?
O que sentimos agora?
Na incerteza, vontade de ir embora.

Mal sabia eu
Que seu coração era meu
O sentimento não havia mudado
Estava sim, ainda mais apaixonado.

Longo, terno e doce beijo.
Entregamo-nos arrebatados
Envolvidos no mesmo desejo
Corpos e alma incendiados.

Rosangela
30/10/2008

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s