Amando no Azul Celeste

 

 

 

 

 

 

 

   Amor no Céu         

 

Serás a minha Lua e, eu, teu Sol.

O Sol , que  é, da Lua, o seu farol.

No céu estão distantes, mas brilhantes,

No brilho que os fazem, dois amantes.

 

Assim, qual lá no céu, somos amantes

Ao brilho dos teus olhos, cintilantes,

Qual fosse da bel Lua, seu luar,

A luz que nos inspira para amar.

 

Tu és a bela jóia, mais brilhante,

Co’a Lua, todo céu a iluminar

Unindo o luar ao teu olhar.

 

Contudo, sou poeta, sou galante

Pois sou bem mais amante que o Sol:

– Tu és quem tem mais brilho, meu farol!

 

Manoel Virgílio

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s