Para que ter?

 

 

 

 

 

 

O Que é a Nossa Vida?


Vivemos numa busca incessante

De termos explicação p’ra nossas vidas.

Seguimos um  caminho, sempre, errante

Sem termos a resposta bem devida

 

Por que se, ao fim, a morte é o destino?

Lutar p’ra ter, se tudo nós perdemos?

Por que, sempre. parece um desatino

Deixarmos para trás tudo que havemos?

 

Amores, sentimentos, experiências

E tudo que guardamos em consciência,

Só importam nossos bens materiais?

 

Será que ao menos fica o pensamento?

Assim, a poesia é  testamento

Daqueles que esperam, ser imortais.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s