Adão e Eva, modernos, no paraiso – Soneto de Manoel Virgílio formatado por Wilma Langer.

Anúncios

4 comentários sobre “Adão e Eva, modernos, no paraiso – Soneto de Manoel Virgílio formatado por Wilma Langer.

  1. Fiquei muito feliz emhcontactar o Sr. Tenho mania de escrever poesias, tenho dez livros prontos, sem publicaçã nenhuma. Gostaria de ter uma beira na internet para mostrar meu trabalho. O senhor me ajudará? Serei grato p/sempre.

    • Sou um poeta frustrado por não conseguir mostrar nem um verso dos meus 10(dez)livros prontos. Fora o que joguei fora.Tudo com rima e dentro da métrica. Tudo difícil, que nem agora, não tenho site. Vejo agora pelo menos uma luz através do Sr. Ser-lhe-ei eternamente grato por uma mãozinha.
      Um abraço

  2. Jôgo duro.
    Lhe quero, eu muito lhe quero – Como nunca a ninguém quiz; – Porisso um dia espero – Que ainda vou ser feliz.
    De mim você é um pedaço – Faz parte do meu existir; – Sem você não sei o que faço – Sou triste nem sei onde ir.
    Você joga duro, judia, – Não tem dó do meu padecer, – Sensata ao menos podia – Com o meu eterno sofrer.
    São Gabriel, 30-06-2012.
    Antonio Alvim Ribeiro.

    • Muito bom o seu poema. Para divulgar sua poesia o melhor é, assim como eu, criar um blog que é muito simples de operar. Também divulgo no Facebook. Meu abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s