Honestidade

Honestidade

Manoel Virgílio

Não pode ser honesto quem aceita,

defende e co’o corrupto se ajeita;

quem. sempre, justifica qualquer lucro,

ainda que do crime de um corrupto.

.

Não pode ter tranquila a consciência,

quem nega de um crime ter ciência.

Ninguém que seja honesto justifica,

quem a vil corrupção, sempre, pratica.

.

Não dá para aceitar o desonesto

e quem inda o defende, igual, atua,

porque com o vilão, então, pactua.

.

Não dá p’ra o cidadão que seja honesto,

por sua posição, dita política,

aceite quem ao povo prejudica.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s