Na Estratosfera

                                                                    Na Estratosfera

Manoel Virgílio

Viver na estratosfera é meu sonho,

da eterna vigilância desligado.

Sem ter, meus pés, na terra, bem fincados,

num voo, pelo etéreo, os sonhos, ponho.

.

Aqui, co’os conterrâneos, é difícil!

Difícil conviver com as sandices,

de alguns que são medíocres, ouvir tolices.

Queria as explodir qual fosse um míssil.

.

Assim, vou pelo céu, no inconsciente,

ao espaço todos sonhos, os arrasto,

problemas, desta vida, eu os afasto.

.

Sonhando, vejo o mundo diferente,

co’exata divisão da mor riqueza,

co’o fim da violência e da pobreza.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s